A importância e qualidades de um bom time comercial

2 min

Sem uma área comercial bem estruturada, dificilmente uma empresa consegue atingir bons resultados. Muitos empreendedores se questionam sobre como montar um time comercial que realmente represente e seja a cara da empresa. 

Primeiramente, a equipe de comercial é responsável não só por vender produtos ou serviços, ela faz parte da identidade da empresa. Mais que apenas colocar algo à venda, esses profissionais têm a missão de entender seu produto com profundidade e as principais diferenças do negócio frente à concorrência e usá-las a seu favor.

Quer saber um pouco mais sobre o assunto? Continue a leitura!

Trata-se de um departamento que se conecta com diferentes stakeholders, financeiro, marketing, RH, diretoria e clientes, administrando as necessidades e expectativas de cada público.

Para o diretor executivo da WorkDB, André Kepler, um bom time comercial é formado por pessoas que conhecem o que fazem e o que querem fazer. Pessoas que sabem a transformação que a empresa gera aos clientes.

“Um bom time comercial se importa com seu colega de trabalho. Sente orgulho de ver o crescimento do seu par. Ele luta junto por seus sonhos, comemora suas conquistas e aprende sempre com seus erros. Um bom time comercial tem no sobrenome a palavra “resiliência””, acrescenta Kepler.

Qualidades para um bom time de vendas na visão da WorkDB

O time comercial da WorkDB conta com quatro colaboradores altamente qualificados, cada um com qualidades e características que se complementam. Por isso, separamos algumas dicas de aptidões que para nós são essenciais para um bom time de vendas.

Visão de oportunidades: buscar oportunidades tanto para empresa quanto para o cliente.

– Persistência: característica que auxilia a oferecer o serviço ou produto.

– Lealdade: compromisso com os clientes e com a empresa. Pessoas que realmente acreditam no seu produto e o defendem.

– Eficiência e comprometimento: cumprem o prometido.

– Planejamento: planejar sua rotina para tirar o maior proveito de suas capacidades e de seus contatos.

– Networking: sem contatos não há sucesso.